Copo de 3: Albariño, Ribeiro e companhia...

15 agosto 2005

Albariño, Ribeiro e companhia...


Quando se fala da Galiza em termos de vinhos, vem logo o nome Albariño e Rias Baixas, um pouco mais desfalcado aparece o nome Ribeiro...
Pois a casta Albariño, que se diz, ter sido trazida desde a zona de Rin, pelos monjes a caminho de Santiago... mas também é provável que a mesma casta tenha sido fruto da evolução das castas plantadas na Península quando da invasão dos Romanos, a verdade é que a Alvarinho, dá origem a alguns dos melhores vinhos do mundo e de Espanha, e é a responsavel pela D.O Rias Baixas.

Esta casta de grande complexidade aromática e que com o tempo em garrafa, adquire mais expressão do seu todo, com estágio em inox, consegue-se tirar todo o seu pontencial, sendo que com leve estágio em madeira, ganha uns aromas diferentes e bem interessantes e complexos.
Parece que pela Galiza as experiências continuam com a madeira, enquanto que estas Rias Baixas que há uns anos não eram nada e neste momento os resultados estão à vista de todos, com excelentes vinhos, cada vez melhores, e reconhecidos a nível Mundial.

Pois bem, falando do vinho da Galiza, temos 5 zonas D.O, as Rias Baixas, Ribeiro, Ribeira Sacra, Valdeorras e Monterrei.

Rias Baixas:
Surge como D.O em 1988 estendida por 5 comarcas da provincia de Pontevedra, Val do Salnés com centro em Cambados e a maior de todas, Condado de Tea situada na margem direita do rio Minho desde Salvaterra até a fronteira com Ourense, O Rosal na foz do rio Minho, Soutomaior entrou na D.O em 1996 e fica situada na ligação do rio Verdugo com a Ria de Vigo e Ribeira de Ulla entrou em 2000 e situa-se nas margens do rio Ulla.
Como vinhos representantes desta zona podemos encontrar entre outros:
Fillaboa - Bodegas Fillaboa
As Laxas - Bodegas As Laxas
Dávila - Adegas Valmiñor
Terras Gauda - Bodegas Terras Gauda
Pazo de Señorans- Bodegas Pazo Señorans
Condes de Albarei -Bodegas Condes de Albarei
Do Ferreiro - Gerardo Méndez Lázaro
Viña Mein - Bodegas Viña Mein
Abadía San Campio - Terras Gauda

Ribeiro:
D.O desde 1957, tem 17 variedades de uva, como a Treixadura, Torrontés, Loureira, Godello, Albariño...
O branco Ribeiro é o mais famoso, esta zona fica situada perto de Ourense, perto do leito dos rios Minho, Arnoia e Avia.
Como curiosidade temos um vinho feito com Treixadura, el Tostado do Ribeiro, vinho doce, feito com uvas passificadas ao sol durante 3 a 6 meses, vinho que se encontra em perigo de desaparecer.
Como vinhos representantes desta zona podemos encontrar entre outros:
Gran Reboreda - Bodega Campante
Viña Reboreda - Bodega Campante
Pazo do Mar - Adegas Pazo do Mar

Ribeira Sacra: Está situada no interior da Galiza, sul de Lugo e norte de Ourense. Tem como ícone o sítio onde as vinhas estão colocadas. Para os tintos a casta Mencía domina, e nos brancos Albariño, Treixadura e Godello.
Como vinhos representantes desta zona podemos encontrar entre outros:
Abadía da Cova Albariño - Adegas Moure

Monterrei: Zona dentral de Ourense, vale guiado pelo rio Támega. Vinhos marcados pelas castas Dona Blanca, Verdello, Treixadura, Mencía, Gran Negro e Merenzao...
Como vinhos representantes desta zona podemos encontrar entre outros:
Terra do Gargalo - Bodega Terra do Gargalo

Valdeorras: Zona norte de Ourense, com vinhas a mais de 700 metros de altitude. Brancos com Godello e tintos com Mencía.
Como vinhos representantes desta zona podemos encontrar entre outros:
Guitian Godello - Bodega A Tapada
Guitian Godello Fermentado Barrica - Bodega A Tapada
Viña Godeval - Bodega Godeval

São estes os vinhos da Galiza, que bem merecem uma prova atenta, ou somente que sejam apreciados em boa companhia nestes dias de calor, pois a qualidade está mais uma vez presente.

4 comentários:

Anónimo disse...

Alentejano, com mais uma belo artigo fiquei com vontade de beber um Alvarinho.
Para quando umas notas de prova dos Albariños ?

Cantro disse...

Oi

Som um webmaster galego que esta a rematar uma web duma bodega preto de Monçao, mas do lado português.

Gostaria de saber se no Portugal ha interesse nos vinhos galegos para saber se debo fazer uma versao portuguesa da pagina (os proprietarios actualmente nao tenhen recibido clientes portugueses porque nao podem exportar vinho... mas podem vender direitamente na adega).

Obrigado pela sua ajuda e pelo blog, ja que gostei muito dele e achei muito interessante

Se vc quer visita-la web, pode atopala en http://adegasgandara.metropoliglobal.com

Copo de 3 disse...

Caro Cantro penso que colocar uma versão em Português é sempre bom, muita gente que conheço gosta dos Albariños e Ribeiros de Galicia e como é bem pertinho de Portugal...

Os meus parabéns pela web, está muito boa.

Gracinhas po su visita.

Cantro disse...

Agradezo imenso o seu comentario. Nas próximas semanas começarei a escrever a versão portuguesa. Peço desculpas por todo erro que podia cometer ao trata-la súa lingua e agradeço todo comentario e correçao da mesma.

 
Powered By Blogger Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution-Noncommercial-No Derivative Works 2.5 Portugal License.