Copo de 3: PROVA Porta de Santa Catarina Reserva 2003

21 Junho 2006

PROVA Porta de Santa Catarina Reserva 2003

É mais um Reserva 2003 da zona de Estremoz, produzido pela Sociedade Agrícola Poeiras e Xarepe este vinho foi elaborado a partir das castas Aragonês, Alicante Bouschet e Cabernet Sauvignon, com estágio de 12 meses em carvalho francês sendo produzidas 5991 garrafas e em prova a nº 5654.
Apresenta-se com 13,5% e tonalidade granada escuro de concentração média/alta.
Na prova de nariz mostra impacto vegetal inicial de intensidade média/alta tapando a fruta madura (leve compota) que se vai revelando com a passagem do tempo, ligações com baunilha e tosta em conjunto com café e tabaco surgem dando um toque quente ao vinho, que fica atenuado com leve floral de fundo.
Na prova de boca mostra corpo mediano, com leve doçura inicial, fruta presente, café torrado acompanhado de uma adstringência presente no final que não ajuda na prova, em final de boca médio.
O vinho mostra-se melhor no nariz que na boca, pois devido à adstringência que mostra no final tira algum do encanto ao vinho, o preço praticado de 15€ também não ajuda muito.
15

5 comentários:

Tanino disse...

Sempre vi os vinhos deste produtor com um preço mais alto que a qualidade dos mesmos... falta de seriedade face ao consumidor ?

Anónimo disse...

Acho bastante estranha a nota desde vinho, foi medalha de prata nos concursos mundiais de bruxelas e bordeus, em Portugal toda a critica disse maravilhas do vinho.
( menos alguns ligados á revista dos vinhos.)Sou sócio do clube de vinhos Porta de Santa Catarina e gostei bastante desse vinho, que apesar de esgotado continua a ter bastante procura.

Anónimo disse...

Parabens ao meu amigo Tiago que estagiou comigo na Quinta do Carmo e está a fazer um excelente trabalho nas servas.
O J.P.Martins provou o vinho e fez a nota de prova que foi seguida pelo Falcão e João Carvalho que estão muinto ligados á revista de vinhos... todos os outros provadores deram em média 18 valores ao vinho. J. Poeiras

Copo de 3 disse...

Em primeiro lugar dar as boas vindas aos participantes, em especial ao Sr. J.Poeiras.

Respondendo por ordem, caro anônimo (tenho pena de o ter de chamar assim), o vinho em causa ficou classificado com 15 valores, na escala do Copo de 3 corresponde a:
Vinho agradável e bom companheiro do dia a dia. Qualidade superior à média.
Como pode reparar considerei um vinho com qualidade superior à média.
Quanto a ter ou não medalhas, para mim a real qualidade do vinho está no seu interior, não querendo tirar mérito aos prémios que o mesmo tenha recebido.

Seguindo o esclarecimento, o vinho foi colocado em prova por um familiar, desconhecendo eu as condições de guarda que o vinho teve até lhe chegar às mãos, todos sabemos o que um mau acondicionamento é capaz de fazer, para não dizer que pode estar numa altura menos boa da sua evolução.

Queria desde já dizer que o Copo de 3 é independente de qualquer outra publicação ou grupo de prova, isto seja o Sr. JPM que tem o seu guia e prova para a RV, ou o Sr. Rui Falcão que pertence aos 5às8 e recentemente integra a Blue Wine e nunca esteve ligado à RV.

Espero que entenda que acima de tudo a nota de prova revela o que o vinho me transmitiu durante a sua prova, o meu gosto.

Anónimo disse...

Ok, foi um prazer conctatar consigo, espero em breve falar pessoalmente de vinhos consigo.
UM ABRAÇO
J. POEIRAS

 
Powered By Blogger Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution-Noncommercial-No Derivative Works 2.5 Portugal License.