Copo de 3: Monte da Peceguina branco 2008

03 Fevereiro 2010

Monte da Peceguina branco 2008

Dando continuidade às provas de alguns brancos de 2008, rumo ao Baixo Alentejo mais propriamente à Albernoa onde fica situada a Herdade da Malhadinha Nova. É de lá que sai este Monte da Peceguina branco 2008. De invejável consistência qualitativa ano após ano, este vinho confirma-se como um valor seguro para o dia a dia com qualidade acima da média. O preço neste caso ronda os 7€, num vinho que se mostra mais apelativo e apetecível que outros de igual ou superior valor que podemos encontrar nas prateleiras.

Monte da Peceguina branco 2008
Castas: Antão Vaz, Roupeiro e Verdelho - 14% Vol.

Tonalidade amarelo citrino em rebordo esverdeado

Nariz de boa intensidade, cheira a pêssegos e alperces bem maduros e frescos, com algum ananás e citrinos. Complementa-se com a correspondente calda que lhe confere um suave toque melado, floral e travo vegetal fresco em segundo plano. Tudo bem delineado e muito aprumado, em conjunto fresco e harmonioso.

Boca de entrada fresca e frutada, gentil no trato, sentindo-se por vezes como que um certo arredondamento suave e frescura a marcar toda a passagem pela boca, com espacialidade mediana em boa persistência final.

O vinho de 2008 vem na linha do que esta marca nos tem acostumado, apesar de o álcool se apresentar algo exagerado, ainda que bem integrado, para o perfil de branco apresentado, falamos de 14% Vol. É um branco bastante aprumado, com a prova de boca a complementar a provar de nariz, revelando-se fresco e com certa dose de elegância. Transmite uma prova sólida e bastante coesa, num perfil que se torna muito apetecível nos tempos mais quentes. É um vinho que ganha bastante se consumido durante o seu primeiro ano de vida, com preço a rondar os 7€. 15,5 - 89 pts

3 comentários:

Grapejuices disse...

I have been keen on following this Quinta, as their wines "just" arrived at one Danish retailer of wines from Portugal. I have the impression that Malhadinha Nova is a new "grand Alentejo" project - and i'm excited to try it out. thanks for posting. Anders

João de Carvalho disse...

Hi Anders

Indeed, Malhadinha Nova its one of the great producers from Alentejo and off course from Portugal.

In the white wines, try the Antão Vaz da Malhadinha and the top Malhadinha. When i come and post the reds, we talk about them.

Grapejuices disse...

I will do so! looking forward to hear your verdict on the reds. / anders

 
Powered By Blogger Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution-Noncommercial-No Derivative Works 2.5 Portugal License.