Copo de 3: Vinha D'Ervideira Espumante Bruto 2007

02 Maio 2010

Vinha D'Ervideira Espumante Bruto 2007

O Espumante é cada vez mais aquele tipo de vinho que mais me apetece beber para acompanhar este tempo mais morno que se começa a querer instalar, ainda que timidamente. Pela sua leveza, frescura e secura é o companheiro ideal quer para abafar os calores ou mesmo para dar início a uma refeição, servindo de entrada, acompanhamento ou bebido a solo. O segredo da coisa neste caso, reside em conseguir encontrar aqueles exemplares que melhor prestação dão com o menor preço possível, a dita relação preço/qualidade que tanto se procura e exige.
Este é daqueles exemplos que conquista pela prova bastante satisfatória tendo em conta o preço por ele pedido, não mais de 6€. Um espumante que certamente não será dos mais falados por entre a falsa burguesia enófila que por aí se anda a querer instalar, no entanto é daqueles que conquistou um merecido lugar nas minhas escolhas, falo do Vinha D´Ervideira Espumante Bruto 2007.

Vinha D'Ervideira Espumante Bruto 2007
Castas: Perrum e Antão Vaz - 13% Vol.


Tonalidade amarelo citrino, levemente dourada com bolha fina e de boa persistência.

Nariz fresco, delicado, maduro e frutado (maçã, limão e ananás) num todo harmonioso com alguma geleia, a mostrar-se fresco. Na fina e delicada complexidade de conjunto mostra presença de biscoito, levedura, tudo isto com alguma consistência na forma como se apresenta, em fundo ligeiramente mineral.

Boca harmoniosa e de média espacialidade, passagem delicada em conjunto levemente frutado ao encontro da prova de nariz (citrinos, tropical) e com suave mousse, boa secura e frescura em final de persistência mediana, com toque mineral em fundo.

A produção ronda as 35.000 garrafas em que o preço é sensato, não me custou mais de 6€, o que permite portanto uma democratização do vinho em causa, estando disponível a solo ou em caixas de 3 garrafas, o que é mais que suficiente para se comprar e ir tendo por casa quando o espaço é pouco. Também não é fraquinho de cheiro nem frouxo de sabor, mas também não é daqueles que nos lembram uma gasosa rasca com sabor a limão. É sim um espumante de fácil agrado, com qualidade média, que acompanha lindamente entradas várias, pratos de peixe ou marisco e até mesmo bebido a solo, com um preço que considero bastante apetecível. 15,5 - 89 pts

2 comentários:

Raul Carvalho disse...

Pelo que estou a ver, é um belo preço para o vinho que se apresenta! Uma boa escolha para este verão! Sem dúvida!

Abraço João

Raul carvalho
http://vinhosdasemana.blogspot.com/

João de Carvalho disse...

Raul , penso que o 2008 ou já saiu ou está prestes a sair, será sem dúvida alguma uma das minhas apostas para beber no Verão, até porque pelo preço nada melhor que chegar da praia e beber um espumante bem fresco para refrescar corpo e mente.

 
Powered By Blogger Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution-Noncommercial-No Derivative Works 2.5 Portugal License.