Copo de 3: Coop de Borba Senses

01 Novembro 2010

Coop de Borba Senses


A gama dos mono & bivarietais da Adega Cooperativa de Borba foi renovada, surgem com nova roupagem mais cuidada e apelativa, continuam a ser apostas interessantes com produção de 2.500 exemplares para cada uma das novas versões, um branco e três tintos completam o ramalhete que é a gama Senses aqui colocada em prova:

Senses Antão Vaz 2008 um vinho fresco de aroma tropical, médio de intensidade na sensação da fruta com calda, geleia, mais citrinos e melão, rebuçado de limão e algum floral branco. Tudo muito bem acomodado, conjunto com bom corpo, fruta presente com ponta de calda, acidez presente a dar alguma frescura ao conjunto, que termina com boa persistência. 15 - 88 pts

Senses Touriga Nacional 2008 a mostrar-se escuro com violeta no rebordo, aroma com boa intensidade, fruta em compota com frescura acompanhada por violetas, vegetal sem implicar com madeira afinada, leve fumo de fundo. Na boca acompanha com boa estrutura, fruta presente, madura com alguma austeridade vegetal que aporta secura no final com algum bálsamo vegetal em fundo. 15,5 - 89 pts

Senses Syrah 2008 com aromas de tosta e alguma austeridade química, fruta negra madura com compota associada, especiado e chocolate preto, escuro com grande sintonia de um conjunto com boa frescura. Boca ampla, frescura a acompanhar a fruta madura com secura vegetal (chá), tosta ligeira e final de boca de boa persistência. 15,5 - 89 pts

Senses Aragones 2008 de aroma frutado em tons de vermelho (morango, ameixa) muito ameno com leve caramelo de leite e tosta, apimentado pelo meio num tom simples e mais directo sempre com a barrica em plano mais discreto. Boca de mediana envergadura, o vinho bebe-se muito bem, a saber a frutos vermelhos, secura vegetal com toque fresco em mediana persistência final. 15 - 87 pts

Sem comentários:

 
Powered By Blogger Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution-Noncommercial-No Derivative Works 2.5 Portugal License.