Copo de 3: Gouvyas Vinhas Velhas 2003

18 março 2014

Gouvyas Vinhas Velhas 2003

Gouvyas Vinhas Velhas é nome grande do Douro injustamente esquecido pelas lides enófilas dos tempos modernos, fruto do reboliço causado por paixonetas de ocasião. A Bago de Touriga é uma pequena empresa duriense liderada por Luís Soares Duarte e João Roseira, os vinhos que criam expressam o terroir único do Douro. Para este Vinhas Velhas foram seleccionadas parcelas de vinhedo com mais de 60 anos localizados no Cima Corgo (Vale de Mendiz e Soutelo do Douro). A produção final deste Vinhas Velhas é reduzida sendo esta a garrafa nº 2139 de um total de 3150 num vinho onde pontifica o carácter bem vincado da região, com raça e carácter, mas muita elegância. 

A evolução ao longo destes quase 11 anos foi e continuará a ser muito positiva, pois toda a sua estrutura indica que foi feito para durar... como perdura no final de boca e no palato. É complexo, intenso, cheio de nervo com a fruta escura (amora, cereja) a mastigar-se tão sumarenta e madura, azeitona, terroso, especiarias, esteva em flor na bonita austeridade que emana. O vinho dá voltas e voltas no copo, precisa de tempo e de paciência, a frescura que o rodeia faz que apeteça mais um e outro copo, a conversa vai longa, os sorrisos à mesa confirmam a sua grandiosidade. 94 pts
Fotografia & Receita

2 comentários:

Amândio Cupido disse...

Também tenho andado arredado desses vinhos :(

Mas lembro-me do primeiro:

http://garficopo.blogspot.pt/2011/03/6-sexta-after-essencia-big-bife.html

João Pedro Carvalho disse...

São relativamente poucos os novos vinhos que me fazem voltar a comprar nova garrafa. Dou por mim cada vez mais a procurar referências de outros tempos.

 
Powered By Blogger Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution-Noncommercial-No Derivative Works 2.5 Portugal License.