Copo de 3: Casal Garcia Rosé

15 Setembro 2009

Casal Garcia Rosé

Este é mais um daqueles vinhos que resultou de uma compra feita em férias quando no local perto de casa onde se vende vinho, a oferta chega a ser do mais pobre e ridículo que se possa imaginar, pelo que apenas me sobrava este Casal Garcia pintado de cor de rosa.
O preço não me recordo, mas não passou dos 3,50€ e a baixa graduação que apresenta foi mais um factor que me levou a pegar numa garrafa e dirigir-me à caixa.

Casal Garcia Rosé
Castas: Vinhão, Azal tinto e Borraçal - 10,5% Vol.

Tonalidade rosa salmão de baixa intensidade, com ligeira efervescência.

Nariz jovem e frutadinho, com a fruta (morango e framboesa) a fazer sentir-se presente mas sem grande intensidade ou concentração. Mistura pelo meio um toque vegetal seco com notas de fumo em fundo. Resulta um vinho simples, eficaz e a mostrar-se bem correcto na maneira como se comporta.

Boca com entrada onde se faz sentir ligeiro pico carbónico, com a passagem a ser marcada pela fruta madura com ligeiro drop adocicado, mostra uma acidez bem presente que lhe confere uma envolvência fresca e delicada, em final de boca de média/baixa persistência.

Não desgostei mas também não me encantou, digamos que é mais um colmatar de uma lacuna que existira na marca Casal Garcia, do que uma mais valia para o consumidor no que toca a vinhos rosé. Liga bem com saladas, entradas e pouco mais pois não tem estrutura para muito mais. É daqueles que não deixa saudade. 13,5

1 comentário:

Joel Carvalho disse...

Haja Alegria, Haja Casal Garcia (neste caso rosé).

Abraço

 
Powered By Blogger Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution-Noncommercial-No Derivative Works 2.5 Portugal License.