Copo de 3: A maneira BLUE de ver o WINE... em Março nas bancas.

25 janeiro 2006

A maneira BLUE de ver o WINE... em Março nas bancas.

Parece que vamos ter uma nova Revista sobre vinhos, segundo o mail recebido podemos ler que:

Caros Senhores

É chegada a hora de vos apresentarmos formalmente “blue Wine, a essência do vinho”, fruto
da experiência e capacidade de criar produtos editoriais inovadores por parte da blue Media e da qualidade técnica e capacidade de mobilização do sector, por parte da Essência do Vinho.

A ideia de criar esta revista, surgida da vontade de um grupo de pessoas que partilham uma paixão comum – o vinho – incorpora o desafio de alargar este sentimento a todos os leitores, tornando-os mais informados, mais conhecedores e, assim, mais exigentes.

A blue Wine será uma revista claramente direccionada para o consumidor final, retratando, mais
do que o vinho, momentos de lazer para serem degustados e partilhados por todos!

Esta revista apresenta-se também com a ambição de ter uma relação próxima e forte com o sector, assente em valores como o rigor e a transparência, para que os seus protagonistas se revejam na revista de uma forma verdadeira e prestigiante. Para tal, poderão desde já encontrar, em documento anexo, informação relevante em relação aos compromissos e critérios que irão nortear a revista, salvaguardando sempre os interesses dos nossos leitores e dos V/ consumidores.

A partir deste momento este projecto é também vosso. Por isso contamos com todos, no sentido não só de promover o vinho, mas também de o posicionar ao nível que ele realmente merece.

Convosco a 25 de Março.

Compromissos blue Wine

A blue Wine é uma revista especializada em vinhos que pretende afirmar-se como produto editorial de referência nos planos nacional e internacional.

A blue Wine orienta-se por critérios de ordem jornalística, segundo formas inovadoras e surpreendentes na abordagem do universo dos vinhos e dos seus protagonistas.

A blue Wine dirige-se primordialmente aos consumidores, com quem pretende partilhar a paixão pelo vinho através de uma abordagem editorial credível, atractiva e sofisticada.
A blue Wine é um meio privilegiado de divulgação do vinho português. Todavia, perfilha uma visão cosmopolita do universo dos vinhos, pelo que dará particular atenção aos vinhos estrangeiros, especialmente aos que estão disponíveis no mercado nacional.
Na blue Wine, a estrutura jornalística, o painel de provas e o sector comercial funcionam autonomamente, na dependência directa da Direcção e sem quaisquer ligações entre si, em nome do rigor, da independência e da credibilidade.

Atenta às necessidades dos leitores e às exigências do consumidor moderno, a blue Wine abordará ainda os múltiplos domínios relacionados com o vinho, designadamente a gastronomia, os restaurantes, os grandes chefes de cozinha, os produtos “gourmet” e o enoturismo.

6 comentários:

cc disse...

Penso entrar num projecto para editar uma revista de referência, tansparente, credível, atractiva, sofisticada, rigorosa e independente. Será uma apresentação limpinha e sem caroço.
Como estou em Portugal e isto do investimento tem que se lhe diga, comecei a imaginar algumas situações: 1ª)Sentado no meu escritório, lendo a correspondência, esperando que surja algum convite para visitar quintas, caves, provas, etc.,ou para algum restaurante de referência; 2ª)preocupado com a ampliação da cave, para armazenar as mais de 2000 garrafas (1000 rótulos x 2 garrafas, incluindo topos de gama) que me irão chegar ao longo do ano ( com os preços actualmente praticados para provar vinho de qualidade, até me está a crescer água na boca); 3ª)não se verifica nenhuma das situações anteriores, isto é , não chegaram convites nem vinho para prova, então como vou por a revista nas bancas? terei de ir comprar vinho?
Definitivamente não tenho jeito para o negócio. Ainda só comecei a escrever o editorial e já estou cheio de preocupações.
Estou decidido, vou retirar-me do projecto e esperar ansiosamente pela saída da "blue Wine, a essência do vinho" no dia 25 de Março.

Obrigado ao apreciador pela notícia.

Anónimo disse...

Pessoalmente estou curioso para saber qual vai ser o target atingir e verei se me vou enquadrar ou não. Depois darei a minha opinião. Irei esperar calmamente...

Rui Miguel

Copo de 3 disse...

Eu estou como tu Rui Miguel, vou esperar para folhear a Blue Wine e depois então vou dar a minha opinião...

Jose Tomaz Mello Breyner disse...

Caro cc

É uma intervenção á Portuguesa. Destruir antes de existir... Tenha calma há espaço para todos e no final quem tiver "unhas que toque guitarra" Não acha?

JTMB

cc disse...

Caro JTMB

Claro que não é uma intervenção à portuguesa. Nós não somos assim. Temos felizmente (e por enquanto) algum sentido de humor, que foi o que tentei transmitir, principalmente depois de ler, na apresentação da revista, a relação desta com o sector, que me pareceu bastante pretensiosa.
É óbvio que, calmo como estou, não quero destruir nada nem ninguém (quem sou eu) e acho que, neste dia especial para a música, devemos aguardar pelo som desta guitarra, mas que há coisas que me agradam mais do que outras lá isso é verdade.

cc

Jose Tomaz Mello Breyner disse...

E agora cc que a revista saiu, qual a sua opinião?

 
Powered By Blogger Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution-Noncommercial-No Derivative Works 2.5 Portugal License.