Copo de 3: Quinta do Quetzal Reserva branco 2010

21 Junho 2012

Quinta do Quetzal Reserva branco 2010

De volta ao brancos da Vidigueira, fazia tempo que não me escorria pelo copo um 100% Antão Vaz... este vem marcado como Reserva da Quinta do Quetzal, custa cerca de 12€. Lembro destes vinhos quando saíram para o mercado nas primeiras edições, na altura com enologia de Paulo Laureano agora com enologia de Rui Reguinga, curiosamente o produtor esteve também presente no evento que tive o prazer de organizar e para o ano voltará a erguer-se de nome Vinum Callipole. Sempre encarei os Antão Vaz com passagem por barrica como vinhos anafados e a precisar de ar fresco (leia-se acidez) para conseguirem conquistar uma mesa... A culpa talvez seja de uma triste moda em que se barrava a casta com essência de madeira nova, o resultado era pesado, super baunilha e uma lata de ananás em calda. Parece que com a mão de Rui Reguinga a coisa refinou, afinou e refrescou... o que temos agora no copo é um bom exemplo de um Antão Vaz mesmo que anafadinho, banhado em nobre madeira e toda a gordura que dá ao conjunto, prontamente compensada por uma boa acidez. A fruta está limpa, palpável e com toque floral pelo meio. Na boca com peso da fruta, cheio, arredondado e a leve calda de ananás já vem de série não vale a pena perder mais tempo... depois o vinho é o trivial Antão Vaz barrado em barrica. Voltei aos bons velhos tempos e este é dos recomendáveis... para quem gosta. PS: Servido fresco com uns lombos de bacalhau no forno, regados com azeite e acompanhado com cebola caramelizada e batata a murro. 91 pts

Sem comentários:

 
Powered By Blogger Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution-Noncommercial-No Derivative Works 2.5 Portugal License.