Copo de 3: Um Copo de 3 de Antão Vaz

13 Maio 2006

Um Copo de 3 de Antão Vaz

Antão Vaz o «ouro líquido» do Alentejo
Após uma breve ausencia da secção das castas, o Copo de 3 volta a apresentar mais uma casta em que a escolhida foi a principal casta branca em terras do Alentejo... a Antão Vaz.

Sem sinonímias conhecidas da mesma, ao que parece originária da Vidigueira a Antão Vaz reina no que toca a vinhos brancos de qualidade no Alentejo, sendo os seus varietais como os seus bi-varietais bastante apreciados.
Apesar de dominar no Alentejo a mesma pode ser encontrada em Setúbal, alguns exemplos são o Herdade da Comporta Branco 2004 elaborado com Antão Vaz e Arinto, ou mesmo o BSE 2004 branco.

Os Vinhos
Dá origem a vinhos de cor citrina, com boas caracteristicas aromáticas (exuberante de aromas) de aroma fino e persistente, sabor ligeiramente acidulo a lembrar frutos tropicais maduros (ananás,maracujá), como leves apontamentos de frutos citricos e fundo mineral. Mostra-se com boa estrutura, harmonioso e no final de boca é persistente. Por vezes carece de alguma frescura e é complementada com a presença de castas com mais acidez sendo a Arinto a mais utilizada e com que obtem os melhores resultados, sendo o Pêra Manca Branco 2004 um bom exemplo disso.
No que toca à longevidade dos seus vinhos, a grande maioria deve ser consumida nos 3 primeiros anos de vida, podendo alguns aguentar mais algum tempo na garrafeira.

A Casta
É resistente à seca e a doenças, pouco exigente no que toca a solos, mostrando-se bem adaptada ao Alentejo e apresenta uma qualidade consistente de ano para ano o que permite aos produtores manter a qualidade sem grandes problemas, caso exemplar o Couteiro Mor Antão Vaz que conseguiu por 3 anos consecutivos ganhar a Talha de Ouro de Melhor Vinho Branco do Alentejo, atribuido pela Confraria dos Enófilos do Alentejo.


O abrolhamento ocorre na 2ª quinzena de Março e a maturação na 2ª quinzena de Setembro e tem a particularidade de apresentar alguma resistência à seca, pelo que se encontra bem adaptada às condições edafo-climáticas do Alentejo. Os cachos são de tamanho médio, de forma cilindrico-cónica e de maturação uniforme; os bagos são geralmente muito pequenos, de tamanho uniforme e de forma troncovóide.

Vinhos provados no Copo de 3:

Fonte Mouro Colheita Seleccionada Branco 2004
Dolium Escolha Antão Vaz 2004
Coop Borba Antão Vaz & Arinto 2004
João Portugal Ramos Antão Vaz 2004
Boa Memória Branco 2004
Farizoa Branco 2004

Sem comentários:

 
Powered By Blogger Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution-Noncommercial-No Derivative Works 2.5 Portugal License.