Copo de 3: Primeira Paixão Rosé 2013

29 janeiro 2015

Primeira Paixão Rosé 2013


No constante fervilhar de novidades, eis que a Madeira se começa a destacar com os seus vinhos de mesa, onde brilham essencialmente os Verdelho carregados de frescura e mineralidade com um atrevido toque salino. Neste caso o destaque vai para a Paixão do Vinho gerida por Filipe Santos cujos vinhos Primeira Paixão se têm destacado nos últimos anos pela qualidade e diferença, sendo o Verdelho o mais conhecido. 

Desta vez a surpresa é um Rosé da colheita 2013, feito à base de Touriga Nacional, Merlot, Syrah, Tinta Roriz e Complexa, com uvas provenientes da zona do Seixal. Enologia a cargo de João Pedro Machado na Adega de São Vicente. Aroma de boa intensidade com destaque para frutos vermelhos bem maduros, leve vegetal a marcar com fundo a lembrar pederneira. Boca cheia de fruta bem viva e sumarenta, estrutura bem composta com boa frescura num conjunto bastante apetecível. 90 pts

6 comentários:

Anónimo disse...

E então diga lá quantos vinhos de mesa da Madeira conhece e já agora quais são novidade?

Vá lá. Aceito pelo menos 10!!!

João Pedro Carvalho disse...

É melhor contar a ver se chegam...

Vai de cabeça Verdelho 2013
Palmeira e Voltas 2013
Barbusano branco 2013, 2009
Quinta do Moledo Reserva Verdelho 2013, 2008, 2006
Rocha Branca Arnsburger
Barbusano Rosé Aragones/TN 2013
Terras do Avô tinto 2010
Seiçal tinto 2011
Primeira Paixão Verdelho 2009
Barbusano Aragones 2010
Pedra de Fogo TN 2012
Torcaz 2013
Beijo 2011
Primeira Paixão Merlot 2013

Anónimo disse...

Há aí muitos que não são novidade!!!

João Pedro Carvalho disse...

Depende do ponto de vista, para o enólogo que os faz certamente nenhum será novidade.

Anónimo disse...

Que bela resposta!

Para mim também é novidade um vinho de 1638 que nunca provei, mas já saiu para o mercado quase à 4 séculos.

Tem a mania que é engraçado, só pode.

João Pedro Carvalho disse...

Entenda como novidade todos os vinhos citados cujo lançamento é recente, entenda como novidade esses mesmos vinhos nos copos de gente que nunca a eles teve acesso... para muita gente provar um vinho de mesa da madeira certamente será uma novidade, para garrafeiras de Lisboa começarem a vender alguns desses vinhos também será uma novidade na oferta da loja... para o anónimo que não os conhecia e no dia em que os conheceu, também eles eram para si uma novidade, tanto que alguns deixaram de o ser e outros ao que parece ainda o são.

 
Powered By Blogger Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution-Noncommercial-No Derivative Works 2.5 Portugal License.